Arquivo para janeiro, 2011

À Palo Seco – Oswaldo Montenegro

Posted in Música on 08/01/2011 by Natalie

Composição: Belchior
Se você vier me perguntar por onde andei
No tempo em que você sonhava
De olhos abertos lhe direi
Amigo eu me desesperava
Sei que assim falando pensas
Que esse desespero é moda em 73
Eu ando um pouco descontente
Desesperadamente eu canto em português
Eu ando um pouco descontente
Desesperadamente eu grito em português

Tenho 25 anos de sonho e de sangue
E de América do Sul
Mas por força do meu destino
Um tango argentino
Me cai bem melhor que o blues
Sei que assim falando pensas
Que esse desespero é moda em 73
Eu quero é que esse canto torto feito faca
Corte a carne de vocês (2x)

Anúncios

Carne e Osso – Zélia Duncan

Posted in Música on 08/01/2011 by Natalie

Composição: Moska e Zélia Duncan

Alegria do pecado às vezes toma conta de mim
E é tão bom não ser divina
Me cobrir de humanidade me fascina
E me aproxima do céu

E eu gosto de estar na terra cada vez mais
Minha boca se abre e espera
O direito ainda que profano
Do mundo ser sempre mais humano

Perfeição demais me agita os instintos
Quem se diz muito perfeito
Na certa encontrou um jeito insosso
Pra não ser de carne e osso, pra não ser carne e osso

Arrasta-me para o inferno

Posted in Filmes on 08/01/2011 by Natalie

O filme esta mais para nojento do que para aterrorizante. Ainda assim, o filme é bom, da uns sustos tremendos. Mas felizmente nada serio ao ponto de não me deixar dormir no escuro sozinha. Foi uma boa surpresa ver o ator Justin Long nesse filme, gosto dele desde quando assisti Olhos Famintos (Jeepers Creepers). Enfim, Arrasta-me para o inferno é um filme bom pra matar o tempo, mas dica… se você estomago fraco, assista antes de ter comido algo, porém saiba q depois de assisti-lo talvez não irá conseguir comer nada.

Cine Belas Artes anuncia fechamento

Posted in Meu querido diário on 07/01/2011 by Natalie

“Cinema teve contrato de locação cancelado e fecha as portas em 27 de janeiro”

Aiiiiii por favor diz que é uma brincadeira…
… diz q é só boato igual aos  ” o MSN e/ou Orkut seram pagos”.

Jura mesmo?
Tem certeza?
É que não consigo acreditar…
Não, não pode ser verdade…
Como assim o Cine Belas Artes irá fechar?

E escuta essa, “o cinema ameaçou ser fechado em Março/2010 após perder o patrocinio do HSBC, e foi uma luta e tanto conseguir um outro patrocinador, e quando finalemente conseguiriam… o q parecia ter sido um alegria, uma alivio… tornousse o fim, isto por que, só então, o proprietario avisou q cancelou o contrato de aluguel com o cinema e alugou o espaço para uma loja” 😐

Vem ca, como assim? MAS PORRA, UMA LOJA!!!

Só quem frequenta esse cine sabe o quanto ele é significativo, o quanto o ambiente é acolhedor, aconchegante e diferente de qualquer outro cine; ele tem aquela meia luz ambiente,  e um cheiro(ah q aroma bom). Só o Belas Artes tem aquele cheirinho doce, suave…estar lá e sentir-se em casa, se não quiser se acomodar em um dos charmosos sofás, senta-se no chão mesmo… sabe, enquanto aguarda o filme começar dali a uma hora, pois no Belas Artes é assim, muitas vezes eu chegava bem antes da sessão começar, e ficava lá lendo até abrirem a sala… sem pressa.
Vou contar um segredo, uma caso… ainda lembro de alguém por quem morria de amores, e q apesar de julgar ser correspondida, ficavamos naquela de “somos só amigos”, após muitos cinemas, muitos passeios, muitos encontros… o primeiro beijo que trocamos foi lá… e agora vão me tirar essa doce recordação. E como fica a lembrança dos inumeros filmes q assisti lá sozinha, ou em outros momentos acompanhada por pessoas queridas, sabe a primeira vez q aplaudi um filme de pé… foi lá, por sinal o ultimo q aplaudi tbm foi lá.
Da vontade de chorar, algo q sei q vai acontecer… mas por enquanto, ainda estou tentando aceitar essa noticia.

Janeiro

Posted in Livros on 06/01/2011 by Natalie

A Ira dos Anjos – Shidney Sheldon

Sinopse: Jennifer Parker realiza seu sonho ao ingressar na equipe do Promotor Distrital de Manhattan, em Nova York. Sua carreira, no entanto, dura exatamente quatro horas – tempo que leva para cair em uma cilada, durante o primeiro julgamento do qual participa. Acusada de suborno, vê seus projetos irem por água abaixo: além do risco de ter a carteira de advogada cassada. Jennifer pode passar o resto de seus dias na cadeia. Assim começa a história de uma jovem bonita e inteligente e dos homens que influenciam sua vida, entre eles o íntegro Adam Warner, destinado a ser um líder de seu país, e Michael Moretti, um anjo das trevas que procura espalhar suas asas de terror sobre tudo e todos. Considerada por muitos como a mais extraordinária criação de Sidney Sheldon.

“Lli pela segunda vez… foi como se fosse a primeira, havia esquecido todo o livro. Sheldon é um do meu escritor favorito, li praticamente todos os livros dele. Como todas as heroinas de Sheldon, Jenifer Parker é intrigante, toda a determinação dela me fascinou. Praticamente pude me sentir no tribunal defendendo cada caso junto com dela.  Soube que há um filme de 1983 baseado nesse livro, vou tentar encontrar.”

Pompoar, A arte de Amar – Regina Racco

Curso sobre a ginástica genital que fortalece os músculos vaginais, proporcionando uma vida sexual muito mais prazerosa e maior saúde.
Nesse trabalho, a Terapeuta Corporal Regina Racco, expões de forma simples , como aprender uma ginástica, capaz de dotá-la de uma capacidade muscular fantástica, que irá lhe proporcionar momentos de um prazer nunca antes vivenciado,além de proteger a sua parede vaginal contra o afrouxamento, que traz entre outros males, a temida incontinência urinária.

Ainda lendo, comprei esse a 7 anos e nunca havia me interessado em lê-lo, bom… antes tarde do q nunca né?. Sou do tipo que só lê quando estou dentro de transporte público ou em filas, no normal eu já teria terminado esse livro, pois ele  é super fino, no entanto esse livro tem ilustrações e ficar lendo ele com alguémsentando ao meu lado me constrange, sei q não deveria, mas não sou tão cara de pau rsrsrs. Enfim, é uma leitura q serve para obter informações. Mas eu indico ler matérias de revistas e depoimentos de mulheres que praticam o pompoarismo. O livro é um pouco monótono.